Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

08/05/2017

BREIQUINGUE NIUZ: A Leste nada de novo

O CDU de Angela Merkel venceu ontem as eleições no Estado de Schleswig-Holstein no Norte da Alemanha, com 33% dos votos e o SPD que governava o Estado em coligação desde 2012 caiu para 26%. São boas notícias para Merkel, aumentando as suas hipóteses de suceder a ela própria em Setembro. Não são boas notícias para o SPD e para Martin Schulz que começa a ver diluir-se o efeito da sua eleição em Março depois de um aumento significativo nas intenções de voto.

Apesar de no final, mesmo que o SPD vencesse as eleições de Setembro, ser pouco provável que a política da Alemanha se alterasse significativamente, por várias razões, incluindo pelo facto de o SPD ser o parceiro júnior da coligação que governa, com uma nova vitória do CDU probabilidade ainda é menor o que não são boas notícias para os Costas deste mundo e as suas fantasias de mutualização da dívida.

Sem comentários: